Archive for the ‘DotNetCore’ Category.

Algumas dicas de DotNet Core com linha de comando

Olá pessoal,

Muita gente já está trabalhando com .Net Core e eu espero que você seja uma delas! Mas se não for, aproveite e já baixe o DotNetCore agora mesmo neste link.

Só para relembrar, o DotNet Core é uma nova versão da plataforma .Net que roda multi plataforma, ou seja, você pode desenvolver agora para Windows, Linux e Mac, usando o mesmo código fonte Smile

Existem muitas maneiras de se trabalhar com .Net Core, por exemplo usando o Visual Studio Code, Visual Studio 2015 e recentemente com o Visual Studio 2017, mas o divertido mesmo é trabalhar com o VS Code e a linha de comandos, então vamos lá!

Depois de instalar o DotNet Code, vamos abrir um prompt de comandos e começar a criar algumas coisas!

Vamos criar uma nova Solution usando o comando dotnet new sln

image

Agora temos uma nova solution, veja:

image

Agora vamos criar um projeto de Class Library com o comando dotnet new classlib –n classe –o classe

image

-n diz qual será o nome do nosso projeto e o –o é o diretório onde ele será criado

Veja como está ficando (estou usando o Visual Studio Code):

image

Agora vamos criar um projeto de testes com o comando dotnet new xunit –n testes –o testes

image

Agora temos uma solution com um projeto do tipo ClassLibrary e um projeto de testes com xUnit.

Vamos agora adicionar o projeto de classes como referência para o projeto de testes. Para isto vamos abrir o diretório do projeto de testes e digitar o comando: dotnet add reference add ..\classe.csproj

O comando add reference tem como argumento o arquivo de projeto que queremos referenciar, neste caso o projeto de Class Library.

image

Veja agora como ficou o arquivo csproj do teste:

image

Por fim, vamos adicionar os projetos a nossa Solution:

dotnet sln add classe\classe.csproj

dotnet sln add testes\testes.csproj

E o resultado final na nossa solution:

image

Agora é só codificar! Lembrando que tudo isto pode ser feito visualmente dentro do Visual Studio!

Abraços e até a próxima!
Carlos dos Santos.